A importância dos eventos no contexto atual das igrejas

Sabe-se que as modificações que temos enfrentado na sociedade têm trazido para nossas igrejas diversas implicações em diferentes contextos. Um dos mais importantes deles é o da diversidade.

Hoje, nas igrejas, é possível cada vez mais verificar uma maior gama de pessoas com idades muito diferentes, contextos sociais diversos em termos de renda, cultura, entre outros, sendo isso ótimo para a criação e desenvolvimento das organizações; mas ao mesmo tempo traz um desafio bastante grande em termos de liderança e pastoreio.

Esse desafio tem exigido dos pastores e demais líderes de ministério uma diversificação de estratégias, para que o evangelho possa ser disseminado para um maior número de pessoas, não só em termos quantitativos, mas principalmente de uma forma clara e simples para pessoas diversas.

No contexto apresentado, os eventos temáticos organizados nas igrejas tem ganhado uma importância fundamental, como forma de suportar os grupos de jovens, homens, mulheres, entre outros, na atração e retenção de públicos focais. É importante pontuar que de forma alguma estes eventos substituem os cultos, uma vez que estes são a expressão coletiva da nossa adoração a Jesus e um momento único para justamente termos comunhão com o corpo completo da igreja.

Sendo assim, quais seriam os principais benefícios de se investir em um evento focado, na sua igreja?

1. Criação de uma identidade com o público alvo a ser alcançado e impactado

Uma vez que os cultos são momentos de reunião de toda a comunidade da igreja, sendo ela extremamente diversa, os eventos específicos são oportunidades únicas para que pessoas com uma identidade mais próxima em termos culturais e de gostos pessoais possam se reunir e trocar experiências. Esse momento tem um grande potencial não só de aprofundar relacionamentos, em função da identidade próxima das pessoas, como também de alguma forma chamar a atenção de visitantes que possivelmente sairiam da igreja sem um contato de referência, que pudesse se desenvolver e evoluir para um discipulado ou até mesmo evangelismo.

Além do aprofundamento dos relacionamentos entre as pessoas da sua igreja e visitantes, eventos temáticos são uma ótima oportunidade para atrair interessados de outras comunidades, ampliando assim a rede de relacionamento entre cristãos, rede essa que pode servir de apoio em momentos críticos, ou até mesmo como suporte para a geração de novas ideias.

2. Fortalecimento da imagem da igreja local como polo de atração para novas pessoas

Além do aprofundamento do relacionamento, eventos podem ser ótimos polos de atração de novas pessoas, na medida em que usualmente estas reuniões temáticas apresentam um maior teor de divulgação, uma identidade visual forte e uma maior carga de informação nas redes sociais.

Sendo assim, além de fortalecerem os relacionamentos entre aquelas pessoas que já conhecem Jesus, os eventos temáticos são oportunidades incríveis para atrair pessoas que nunca tiveram um contato profundo com Cristo, uma vez que não só temos o apelo de conhecer uma nova forma de viver, mas também de se integrar ao tema do evento.
Um exemplo disso é um evento com a temática musical (louvorzão, encontros musicais, etc.) que atrai cristãos em função do seu conteúdo e possibilidade de comunhão, e não-cristãos, pela qualidade musical, oportunidade de conhecer bandas diferentes, presenciar uma apresentação musical ao vivo, ver os instrumentos musicais, entre outros.

Desta forma, temos que ter sempre em mente que a organização e realização de um evento, independentemente do seu tema central, é uma ação de evangelismo.

3. Renovação do fôlego e alinhamento do “mindset”

Por fim, eventos temáticos que fogem da rotina são bons momentos para dar uma pausa na correria do dia a dia e na rotina da igreja, criando momentos de reflexão, de renovação espiritual, fortalecimento dos laços de amizade e até mesmo aprofundar a adoração a Cristo.

Sendo assim, os mesmos devem ser utilizados com inteligência e estratégia. Ao tornarmos absolutamente rotineira a realização de eventos especiais e temáticos, irá acontecer uma banalização dos mesmos e todos os efeitos citados acima, se não forem anulados, serão drasticamente minimizados.

Vimos casos de igrejas que organizaram um evento diferenciado e, felizes com o resultado, começaram a planejar semanalmente atividades temáticas que fugiam da rotina dos cultos. Com o passar do tempo, eles começaram a ter menos participantes do que nos cultos regulares, uma vez que as reuniões tornaram-se cansativas e com conteúdo raso.

Tendo em mente estes três pontos principais a respeito dos benefícios gerados pela organização de bons eventos, nos próximos posts iremos discutir as estratégias para o planejamento e execução eficiente de eventos nas igrejas. Todos os conceitos serão aprofundados tendo por base um evento idealizado e criado por nós, chamado PULSE.

Não deixe de compartilhar conosco exemplos práticos, para que possamos enriquecer os debates e assim gerar novas ideias para o nosso meio cristão.

Recommended Posts

Leave a Comment

Start typing and press Enter to search