Guia prático sobre vídeo para igrejas – Lição 29

LIÇÃO 29 – FILMAGEM AVANÇADA: SHOULDER RIG E STEADYCAM

Nesta lição vamos continuar nossa caminhada em direção aos diferentes tipos de estabilizadores que você pode usar para realizar filmagens mais sofisticadas. Hoje, vamos explorar o uso do shoulder rig e da steadicam.

1. SHOULDER RIG (SUPORTE DE OMBRO)

Um shoulder rig é um dispositivo de estabilidade em que sua câmera é acoplada e apoiada em seu ombro. Pense nele como um tripé portátil. Ele consegue realizar a maioria dos mesmos movimentos de um tripé e possui a maioria das mesmas capacidades, mas você não precisa ajustar cada vez que você se mover.

Shoulder rig Fonte: planet-digital.net

Shoulder rig
Fonte: planet-digital.net

Usar um shoulder rig é bem simples e direto. Você simplesmente segura o dispositivo firme e mira a câmera para o que você quer capturar. Ele funciona usando os pontos de contato com seu corpo para estabilizar a câmera. O primeiro ponto é o ombro, onde o dispositivo se apoia significativamente. Os shoulder rigs mais caros possuem uns pesos que se estabelecem sobre seu ombro para contrabalancear o peso dele próprio. O segundo ponto de contato são as duas alças, que funcionam como o braço de um tripé. O terceiro ponto de contato é o visor pelo qual você está olhando através. Este ponto não vem de fábrica em todos os shoulder rigs, mas se vier, apenas adiciona um pouco mais de estabilidade.

Outra vantagem legal de se usar um dispositivo desse é que você pode adicionar quantas funcionalidades desejar, como, por exemplo, um “foco follow. O que é isto? É um anel ajustável que usa uma engrenagem para focar as lentes da câmera manualmente. Então, ao invés de você ter que se contorcer para alcançar o botão e ativar o ajuste de foco automático, você pode simplesmente deixar o foco em manual e descansar sua mão onde ela naturalmente ficaria, na alça, e ajustar o foco ao mesmo tempo.

Follow Focus Fonte: opteka.com

Follow Focus
Fonte: opteka.com

Outra funcionalidade adicional é uma matte box, ou parasol. É uma caixa grande, com aletas, que se acopla à frente da sua câmera, dando um visual bem legal. Funciona bloqueando as luzes que incidiriam diretamente na lente, evitando flares (aquelas bolinhas de luzes estouradas). Ela também tem a opção de adicionar diferentes filtros, caso sua lente não seja compatível com eles.

Matte Box Fonte: vimeo.com

Matte Box
Fonte: vimeo.com

No entanto, existem algumas desvantagens em utilizar o shoulder rig. Primeiramente, eles não são tão práticos e muito úteis. Se você tem um tripé e tem a capacidade de filmar bem na mão sem tremer, não existe muito que o shoulder rig pode fazer por você. Na verdade, existe apenas um caso em que penso que ele seria a melhor alternativa: filmar entrevistas com as pessoas na rua. A razão para isso seria ter algum movimento nas filmagens para criar um sentimento de espontaneidade e agilidade. Usar um tripé, neste caso, eliminaria qualquer movimento na cena. Além disso, um shoulder rig é bem menos intimidante que um tripé cheio de aparatos; se eu estou captando possíveis entrevistados na rua que acabei de conhecer, é melhor que eles estejam o mais confortável possível diante da câmera e um shoulder rig é bem discreto para isso.

  • Funciona bem:

– para entrevistas com pessoas na rua;

– gravações estáveis que requeiram ajustes rápidos e filmagens instantâneas;

– adicionar funcionalidades como um foco follow ou uma matte box;

  • Não funciona bem:

– andar com ele (a filmagem fica com pulos e tremidas);

– qualquer coisa com movimento exagerado. Um shoulder rig se torna redundante se você já tem um tripé.

Um equipamento desses, podemos encontrar aqui por volta de R$400,00, sendo os mais básicos. Mas se o orçamento anda apertado, aqui vai um vídeo de inspiração para aqueles que gostariam de criar o seu próprio! Embora esteja em inglês, ainda ajuda a entender um pouco mais como funciona o foco follow.

 

2. STEADYCAM (ESTABILIZADOR DE CÂMERA)

O segundo dispositivo que estamos explorando hoje é a steadycam. Aqui está um dispositivo muito legal! É um artifício que faz o seu melhor para estabilizar a câmera, para que quando você se mexa com ela, ele te dê a ilusão de que a câmera esta flutuando no ar.

Steadycam Fonte: amazon.com

Steadycam
Fonte: amazon.com

Steadycams são utilizadas o tempo todo no cinema para filmagem. Basicamente, qualquer ocasião em que você tenha visto uma câmera que esta se movendo e não existe qualquer tremida, é uma steadycam. Existem diferentes tipos delas: aquelas utilizadas nos filmes, que são enormes engenhocas que são amarradas ao corpo e usam pesos para equilibrar tudo; e aquelas opções mais baratas que usam um único peso e podem ser utilizadas na mão.

No entanto, usar uma steadycam não é muito fácil. Você não consegue acertar já de primeira e virar um profissional, requer muito treino para conseguir equilibrar perfeitamente e saber quais movimentos fazer com seu corpo para que você e a câmera estejam em sintonia.

Quando você começar a utilizar uma, você provavelmente terá filmagens meio desconexas e tremidas que não estarão suaves mesmo! Mas o segredo é praticar! Provavelmente seus braços irão doer no inicio, pois você tem que segurar o equipamento firmemente à sua frente e isso pode causar fatiga, sendo mais difícil manter estável. Mas conforme você praticar, você se tornará mais habilidoso e conseguirá filmagens bem legais, mesmo com a versão mais barata que tiver.

  • Funciona bem:

– para adicionar movimento em suas produções;

– seguir pessoas andando ou correndo;

– movimentar a câmera durante uma cena.

  • Não funciona bem:

– para filmagens paradas (é quase impossível de manter parado).

Assista esse vídeo bem legal da FocoFilmes para entender um pouco mais sobre como as steadycams funcionam, quais tipos de lentes são mais adequadas para usar com esse tipo de suporte e como operar, prestando atenção em seus movimentos.

Agora que você aprendeu sobre as aplicações e o uso destes dois dispositivos, que tal experimentar no que eles podem te ajudar em suas produções? Na próxima lição vamos explorar mais alguns!

Tem alguma dúvida? Ou gostaria de compartilhar sua experiência? Escreva aí embaixo!


CONTINUE LENDO…

Recommended Posts

Leave a Comment

Start typing and press Enter to search